Passados 19 anos do falecimento do grande artista plástico brasileiro Iberê Camargo, natural de Restinga Seca, a Casa de Memória homenageia os dois amigos Iberê e Cardoso, através da publicação de uma foto tirada no estúdio do Iberê em Porto Alegre, em frente a um painel pintado pelo artista. Os amigos mantiveram uma amizade forte e duradoura durante toda a vida. Apesar da distância, os laços se fortaleceram através de visitas, sempre que possível, ou de correspondência. Um exemplo disso é o cartão com a poesia “Prosa da Memória” oferecida por Cardoso à Iberê em setembro de 1969, a qual foi respondida com um desenho do pintor, onde os dois recordam a amizade, as raízes e as lembranças do passado. (por Greta Dotto)

Anúncios